Pão de Açúcar cria empresa com grupo Raia Drogasil 

A intenção é criar um sistema que funcione para todo o mercado de varejo

Após um ano de negociações, o GPA, dono das redes Pão de Açúcar e Extra, e o grupo RD, das farmácias Raia e Drogasil, fecharam ontem um acordo para criar uma empresa de fidelidade. É a primeira iniciativa entre varejistas brasileiras neste setor, que nos últimos anos têm sido explorado por empresas aéreas e grupos de programas de fidelidade por coalizão. Juntas, as duas redes têm cerca de 3 mil pontos de venda no país.

Batizada de Stix Fidelidade, a nova empresa terá uma plataforma de produtos e serviços para acúmulo e resgate de pontos. O negócio começará a funcionar no segundo semestre de 2020, sem data definida – o acordo ainda depende de aprovação do Cade, órgão de defesa econômica. O GPA terá 66,6% da empresa e a RD, 33,3%.

A intenção é criar um sistema que funcione para todo o mercado de varejo, por isso, cadeias de outros segmentos, como moda e eletrônicos, serão procuradas para se tornarem parceiras. Elas não serão sócias – GPA e RD permanecerão como únicos acionistas.

“Temos confiança absoluta de que esta será a maior parceria de fidelidade do varejo porque já nascemos presentes em 23 Estados brasileiros e com mais de 3 mil lojas físicas como pontos de resgate”, afirmou Peter Estermann, diretor-presidente do GPA.

De acordo com Marcílio Pousada, presidente da RD, os clientes poderão acumular pontos em compras nas lojas das bandeiras Extra e Pão de Açúcar, além das unidades Drogasil e Droga Raia.

Além disso, o Pão de Açúcar deve suspender um acordo que tem com a Livelo, já que este novo programa de fidelidade envolve o Itaú Unibanco, sendo que os usuários de cartão de crédito do banco poderão transferir seus pontos para o Stix Fidelidade.

 

 

Quer receber nossa Newsletter? Preencha o formulário abaixo: