Mais que uma mini saia: exposição revela como Mary Quant mudou o mundo

Chamada apenas de “Mary Quant”, a mostra vai ser exibida entre 6 de abril de 2019 até 8 de março de 2020, no Victoria and Albert Museum, em Londres

Se você usa ou usou mini saia, tem um vestido sem mangas ou uma túnica, uma gola Peter Pan ou um suéter de costela fina, um par de meias coloridas ou até mesmo uma capa de chuva, saiba que isso só aconteceu por causa de uma mulher: Mary Quant.

Quant foi símbolo de liberdade sexual feminina, além de pioneira em roupas de mercado de massa, lideradas por tendência,influenciando a moda de rua e de alta qualidade mais de 60 anos depois de abrir sua primeira loja Bazaar, na King’s Road, em 1955, em Londres, numa época que a moda não era para ser divertida ou pensar nos jovens.

 

Agora, a estilista vai ganhar sua primeira retrospectiva em museu. Chamada apenas de “Mary Quant”, a mostra vai ser exibida entre 6 de abril de 2019 até 8 de março de 2020, no Victoria and Albert Museum, em Londres.

São mais de 200 peças do arquivo da designer, além do próprio museu buscar originais da época com a tag #WeWantQuant. Então, se você tem alguma peça guardada em casa, eis a chance de tirar do armário!

 

 

 

 

 

Quer receber nossa Newsletter? Preencha o formulário abaixo: