Resenha do livro #Girlboss

“Trabalhar com moda não é passar o dia inteiro no shopping”

Sophia Amoruso, 33, fundadora do site Nasty Gal, escreve, de maneira coloquial e direta, a verdade sobre o que é o mundo da moda.

Com um texto bem simples, rápido e, principalmente, dirigido às mulheres, Sophia produz uma obra que entra rapidamente para a lista de livros sobre empoderamento feminino.

Utilizando o recurso autobiográfico, Sophia vai contando nesse livro de 247 páginas toda a sua trajetória até se tornar CEO de uma empresa milionária; tendo saído de uma origem bem humilde e controversa – o que acaba sendo mais interessante.

[private]

Ensinamentos técnicos de estética, moda, fotografia, vendas online e marketing misturam-se com dicas mais casuais de como sobreviver nesse novo mundo, o que torna o livro um excelente manual de dicas para adolescentes e adultos que não se encaixam de jeito nenhum nos padrões pré-estabelecidos – seja no mundo da moda ou em qualquer outro.

“Seja dona do seu estilo assim como do seu carro usado” 

Apesar da simplicidade do texto e da temática mais teen, o livro se encorpa e passa a contar sobre o dia-a-dia de uma empreendedora de sucesso. Nesse segmento, o manual de dicas passa a ser direcionado a qualquer um que tem a ambição de abrir seu próprio negócio, contando desde como ir atrás de investidores até os problemas que acontecerão nesse sinuoso caminho.

Mas, apesar de útil para ambos os sexos e para quem quer arranjar um rumo na vida, a veia forte do livro é a auto aceitação. Sophia vai ser direta com aquelas pessoas que não são as “queridinhas”, muito menos são as favoritas a se tornarem “alguém na vida”, dando a essas pessoas seu depoimento pessoal de como fez para driblar essas dificuldades e conseguir sucesso – sem perder a essência e nem mudar sua personalidade.

Uma leitura agradável e que foge do perfil “livro de negócios”, mas que ainda sim consegue ser útil para a vida profissional e, porque não, pessoal de quem quiser ler os conselhos de Sophia Amaruso.

Abaixo deixo um vídeo de Sophia Amaruso, feita em 2014 – ano de lançamento do livro. Vale acompanhar pelo menos os seis primeiros minutos, pois já dá para sentir um pouco de quem é a autora do livro e da empresa Nasty Gal.

[/private]

Comentário

Comentário