Espectadores dos cinemas da rede poderão fazer contribuições para ajudar a transformar a educação pública do Brasil (foto: divulgação)

A rede Cinépolis e o Instituto Ayrton Senna acabam de estabelecer uma nova parceria de Marketing de Causa para engajar a sociedade a apoiar diretamente a educação pública brasileira. Nas bilheterias das 348 salas da rede em todo o Brasil, os clientes são convidados a fazer doações de R$ 0,50, R$ 1, R$ 2,50 ou R$ 5 para a instituição, que trabalha há 22 anos para melhorar o ensino público em todas as regiões do País. As contribuições são feitas sempre no momento da compra do ingresso – em dinheiro, cartão de débito ou crédito.

“A Cinépolis no México desenvolve ações sociais há mais de 10 anos e criou a Fundação Cinépolis, que contribui para o desenvolvimento social de programas focados em saúde e educação, diante disso, pretendemos expandir a atuação social da rede no Brasil. Esta parceria com o Instituto Ayrton Senna irá reverter as contribuições em importantes ferramentas para o desenvolvimento social de crianças e adolescentes, o que vai de encontro com nossa convicção de que a educação pública de qualidade pode transformar o País”, afirma Luiz Gonzaga Assis de Luca, presidente da Cinépolis no Brasil.

“Estamos inaugurando um modelo de parceria inédito no Brasil, que certamente será um sucesso e vai inspirar outros semelhantes. Agora, com valores acessíveis, o público que vai curtir um cinema na rede Cinépolis pode fazer a diferença e dar uma contribuição essencial ao presente e futuro do País. Estamos muito contentes com o início dessa nova forma de financiamento do nosso trabalho, e com a certeza de que essa parceria vai ajudar a transformar milhares de vidas por meio da educação de qualidade”, afirma Thiago Fernandes, diretor de Negócios do Instituto Ayrton Senna.

News

 

 

Quer receber nossa newsletter? Preencha o formulário abaixo:

[contact-form-7 id=”163591″ title=”Formulário fim dos posts”]

Comentário

Comentário

Redação
A Redação é responsável pela curadoria de todo conteúdo veiculado no Portal Inteligemcia.